Não deverei render-me
Ao tempo que passa
Pernoito aqui neste lugar
Perto da minha alma
Rendo-me a mim mesmo
E agrado os Deuses
Em todo caminho
Encontro um novo sentido
Ofusco-me entre os demais
E procuro-me a cada instante
Encontro o guerreiro
Encontro o menino e o homem
Encontro-me…
Nesta aventura deslumbrante
Sou na prática um sonho da minha alma